Fotos de Reynaldo Gianecchini


Reynaldo Cisotto Gianecchini Júnior (Birigui, 12 de novembro de 1972) é um modelo e ator brasileiro.

Sua estreia como ator foi no teatro com a peça Cacilda. Em 2000, atuou em sua primeira novela, Laços de Família, na qual viveu o protagonista Eduardo, um jovem médico recém-formado que se envolve em um triângulo amoroso entre Helena (Vera Fischer) e Camila (Carolina Dieckmann) ,mãe e filha, tendo sido muito criticado na época pela sua atuação. Em seguida, participou da novela As Filhas da Mãe, como Ricardo, homem que descobre-se apaixonado pelo amigo de trabalho Dagmar, de Cláudia Jimenez, e depois vem a saber que na verdade trata-se de uma mulher.

Depois de um início conturbado por críticas ao seu trabalho, com mais experiência e estudo, tem sido respeitado e até elogiado em suas atuações na televisão e no teatro.

Em 2002, protagonizou a novela Esperança, ao lado de Priscila Fantin e Ana Paula Arósio, recebendo o Prêmio Master de Melhor Ator pelo trabalho feito. Simultaneamente, participou do longa Avassaladoras, no papel do Don Juan Thiago. Em 2003, fez uma participação especial no último capítulo da novela Mulheres Apaixonadas e , em 2004, protagonizou o grande sucesso do horário das sete, Da Cor do Pecado, vivendo os gêmeos Paco e Apolo. Pela sua atuação, recebeu o Prêmio Contigo! de Melhor Ator.

Mas foi em 2005, que o ator viveu o melhor momento de sua carreira até então, quando encarnou o atrapalhado mecânico Paschoal, de Belíssima, mostrando a sua versatilidade e o seu lado cômico. Na trama, sua personagem formou par romântico com a fogosa Safira, de Cláudia Raia, e juntos o casal demonstrou bastante química. Pelo trabalho recebeu o Prêmio Qualidade Brasil e o Troféu Leão Lobo, ambos na categoria de Melhor Ator Coadjuvante. Ao mesmo tempo, encenou a peça Vossa Excelência, o Candidato, sendo bastante elogiado.

Em 2007, viveu mais um protagonista na televisão, o Dante de Sete Pecados, ao lado das atrizes Priscila Fantin e Giovanna Antonelli. Na trama, viveu um taxista pobre, casado com a humilde Clarice, que acaba por se envolver com a ex-colega de escola Beatriz. O par formado entre Dante e Beatriz tiveram tanta química juntos que fez sucesso a música de Marisa Monte, Não Quero Ver Você Triste, nas rádios de todo o Brasil. Foi também nesse ano, que encarnou no cinema a personagem que na televisão fora vivido por Tony Ramos, o Jorge do filme Primo Basílio.

Publicado em março 30, 2012, em Atores, Modelos. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: